CAA-PB lamenta morte do advogado Eduardo Araújo


A Caixa de Assistência dos Advogados da Paraíba (CAA-PB) lamenta a morte prematura do advogado Eduardo Araújo, 33 anos, ocorrida neste domingo (28), em um hospital de particular de João Pessoa, em decorrência da Covid (19).

O presidente da CAA-PB, Assis Almeida, colocou a Instituição à disposição da família do advogado neste momento de dor. Ele ressalta que a morte de Eduardo representa uma grande perda para a advocacia paraibana.

Eduardo era aluno da Pós-graduação da Escola Superior de Advocacia da Paraíba (ESA-PB). Ele deixa mulher e filho.

Por conta da causa da morte, o velório e o sepultamento devem ser realizados seguindo o protocolo médico.